O restauro de bens culturais só deve ser efectuado por técnicos especializados e habilitados para o efeito, ou por eles orientados, em conjugação com os responsáveis da Instituição. O Museu Quinta das Cruzes, tem procurado parcerias e consultadorias técnicas no âmbito da conservação e do restauro de bens culturais à sua guarda, procedendo ao acompanhamento e colaboração em todas as fases do processo de intervenção.
Nos últimos anos, realizaram-se, de forma faseada, várias campanhas de restauro, no âmbito do apoio financeiro institucional, proporcionado pelos Projectos PIDDAR E POPRAM III /FEDER.
O Museu tem procedido ao levantamento sistemático do estado de conservação do seu espólio e procedido, de uma forma faseada, ao restauro de alguns núcleos e/ou peças isoladas.


Denominação: Cadeirinha/Liteira
Colecção: Meios de Transporte
Proveniência: França
Datação: século XVIII
N.º de inv.: mqc 2306
Restauro: IPCR / Ana Casals 
Data: 2005-2007

 Antes do tratamento   Topo antes do tratamento    Durante o tratamento    Após o tratamento       



Denominação: A Aclamação da Carta Constitucional no Funchal
Colecção: Pintura
Autor: at. João José do Nascimento
Datação: século XIX
N.º de inv.: mqc 2345
Restauro: Atelier Isopo
Data: 2006

Antes do tratamento    Antes do tratamento    Após o tratamento



Denominação: Orquestrofone
Colecção: Instrumentos Musicais
Autor: Fab. Limonaire Frères
Datação: 1900
N.º de inv.: mqc 1977
Restauro: Atelier Isopo (estrutura em madeira e policromia)/
Dinarte Machado (estruturas mecânica e instrumental)
Data: 2004-2006

Antes do tratamento    Durante o tratamento    Durante o tratamento     


Durante o tratamento    Desinfestação por anóxia    Após o tratamento    



Denominação: Retrato de Senhora
Colecção: Pintura
Autor: Alfredo Miguéis
Datação: 1909
N.º de inv.: mqc 2345
Restauro: Atelier Isopo
Data: 2005-2006

Antes do tratamento    Durante o tratamento    Após o tratamento



Denominação: Santa Rosa de Lima
Colecção: Pintura
Autor: Bento Coelho da Silveira
Datação: século XVII
N.º de inv.: mqc 2254
Restauro: Atelier Isopo
Data: 2002

Antes do tratamento    Antes do tratamento   Após o tratamento        



Denominação: Pintura Mural
Colecção: Fresco (exterior)
Autor: desconhecido
Datação: final do século XVIII
Restauro: Atelier Mural da História
Data: 2001 (restauro) e 2005 (consolidação)

Durante o tratamento    Durante a intervenção    Após o tratamento



Denominação: Contador Namban
Colecção: Mobiliário
Proveniência: Japão (período Momoyama)
Datação: final do século XVI
N.º de inv.: mqc 2249
Restauro: Instituto José de Figueiredo
Data: 1999

Durante o tratamento    Durante o tratamento    Após o tratamento



Campanha de Restauro
Colecção: Mobiliário
Restauro: Instituto José de Figueiredo
Coordenador da equipa: Pedro Cancela d'Abreu
Data: 03 a 16 de Maio de 1998
Nota: Nesta campanha foi feita a avaliação do estado de conservação de toda a colecção de Mobiliário, que resultou na intervenção de 43 peças das quais 26 foram intervencionadas no Museu e 17 foram enviadas para o Instituto.

Durante o tratamento    Durante o tratamento    Durante o tratamento



Denominação: Harpa
Colecção: Instrumentos Musicais
Autor: Fab. G.A. Stumpff
Datação: início do século XIX
N.º de inv.: mqc 2201
Restauro: Instituto José de Figueiredo
Data: 1998

Antes do tratamento    Antes do tratamento    Antes do tratamento    Após o tratamento